quinta-feira, março 16, 2006

Banzo II

Pois, contradizendo o texto anterior, eis que surge, miragem dominical, uma enorme caravela no horizonte de Copacabana.

Se hoje, séculos depois do descobrimento, esta visão ainda me impressiona, imagino o que deve ter causado aos índios quando viram aproximar-se os saqueadores portugueses com suas doenças e ambição. Talvez um misto de esperança e medo, sentimentos tão pares.

Não muito tempo depois serão os escravos a olhar para este horizonte com os olhos embotados de uma nostalgia mortal do que lhes foi arrancado.

Afinal, quando não há mais esperança, mar e morte têm o mesmo significado.

10 Comments:

At 12:49 PM, Blogger rmussilac said...

banzo III... banzo III... Banzo III...por favor...ainda há esperança.

 
At 12:54 AM, Blogger Mariana Ferrari said...

A última frase me socou por dentro me remetendo a um acontecimento em minha vida onde momentaneamente a esperança faltou e o mar tornou-se morte literalmente. Eis que de uma visão diferente, de quem olha da praia o horizonte, a esperança retorna e mar e morte se separam.

 
At 6:53 PM, Anonymous ana maria said...

Banzo.Que tantas saudades são essas.........

 
At 6:53 PM, Anonymous ana maria said...

Banzo.Que tantas saudades são essas.........

 
At 12:15 PM, Blogger rmussilac said...

don't worry, be happy...um grade dia pra ti!

 
At 10:00 AM, Blogger rmussilac said...

E banzo III...sai ou não sai?

bjs, binhá.

 
At 12:29 AM, Blogger Mariana Ferrari said...

quero mais posts tb!!!!!!

 
At 7:18 PM, Anonymous Anônimo said...

Nice site!
[url=http://nlzcxunv.com/wkij/liej.html]My homepage[/url] | [url=http://ymfkvfhv.com/tefw/jzev.html]Cool site[/url]

 
At 7:18 PM, Anonymous Anônimo said...

Well done!
My homepage | Please visit

 
At 7:18 PM, Anonymous Anônimo said...

Nice site!
http://nlzcxunv.com/wkij/liej.html | http://yxhkkkdf.com/qqnz/njbd.html

 

Postar um comentário

<< Home