terça-feira, agosto 09, 2005

Riders on the Storm

Não se fie pelo título, pois fazia sol. Um belíssimo céu azul de brigadeiro surpreendia aquela remota manhã de terça-feira enquanto dentro do carro chovia The Doors.

Eu não sabia, mas nos meses seguintes um vendaval varreria todas as minhas certezas. Agora escuto novamente o CD e percebo que não haveria melhor trilha sonora para aqueles dias. Soa profético.

Não ser capaz de prever o futuro é uma dádiva, pois dependendo a qual trecho desse filme assistamos, podemos recuar ou saltar.

Mas, pensando bem, e daí? A gente sobrevive de qualquer forma.

4 Comments:

At 2:35 AM, Anonymous Mariana Ferrari said...

Que sobrevivemos...Isto é uma verdade...mas como e pq...É outra questão.

 
At 7:29 PM, Blogger Rodrigo Ferrari said...

"Como", depende de cada pessoa. "Por que", porque não há escolha melhor do que viver. Só vivos podemos lutar por uma vida melhor (pelo menos no que diz respeito à nossa própria).

 
At 9:55 AM, Blogger rmussilac said...

recuar ou saltar, isso é pra sobreviver tb!

 
At 4:58 PM, Anonymous ana maria said...

GOSTARIA DE TE CONHECER MELHOR. TE ENTENDER....E isso doi....bjo

 

Postar um comentário

<< Home