segunda-feira, agosto 08, 2005

Aqui em cima

É uma miríade de antenas que avisto neste final de domingo sobre os telhados de Copacabana. Mas nem de perto conseguem arranhar a magnificência do Morro dos Cabritos. Incólume, contrasta com o céu azul-arroxeado que o por-do-sol por trás dele vai pintando.

Ergue-se como pedra e mata imponentes neste mar de prédios. E ali, escalando sua encosta, vejo o condomínio onde moro, com suas janelas verdes e suas paredes amarelas.

Mais à esquerda, descoberto pelo Corte de Cantagalo e ligeiramente ofuscado pelo Gemini, posso admirar os Dois Irmãos ao fundo.

Então eu já não sei mais se o que tenho em meus olhos é a maresia que chega da praia, às minhas costas, ou se são lágrimas.

1 Comments:

At 2:37 AM, Anonymous Mariana Ferrari said...

Lágrimas consomem...ando perguntando...de que adianta...Ah sim meu cachorro me consola lamendo-as...rs.

 

Postar um comentário

<< Home